Sessão evocativa do pintor Dias Coelho na AJA norte

some_text

2 Comentários para “Sessão evocativa do pintor Dias Coelho na AJA norte”

  1. A MURALHA

    Ante aquela alvorada de utopia
    que buscámos na vida em sobressalto
    ergue-se agora um muro de basalto
    duro demais para a nossa rebeldia.

    Cansados da peleja, dia a dia
    em planícies, montanhas ou mar alto,
    sucumbimos, vergados, sobre o asfalto
    da tão comprida estrada que nos guia.

    Esta muralha esmaga a confiança,
    aprisiona o sonho, a nossa vida
    e o nosso suspirar pelo futuro.

    É preciso de novo hastear a esperança
    que nos foi sempre apoio na corrida.
    Venham daí! Vamos saltar o muro.

    28-6-2009
    Carlos Domingos

  2. ELEGIA

    (No dia do assassinato de José Dias Coelho)

    Hoje não quero rimas nem tambores.
    Só lágrimas e balas. Só negrume.
    Só noite acesa de cruel queixume,
    só labareda a crepitar rancores.

    Tombaste, amigo, mas não tenho flores
    para cobrir-te o corpo. O azedume
    com que os meus versos chicoteiam lume
    tornou estas imagens incolores.

    Com a tua certeza, a tua esperança.
    o teu calor, o teu olhar tão leve
    (sementes que o meu sopro espalha) sigo

    no teu caminho feito de confiança.
    O teu sorriso reverdece e, em breve,
    a Primavera voltará contigo.

    (Dezembro 1961)
    Carlos Domingos

Deixe um comentário

Zeca (2)

QUEM SOMOS


disco

SER SÓCIO


LOJA


escritasdomaio

ESCOLAS


materiais

EXPOSIÇÕES

SUBSCREVER NOTÍCIAS


Categorias

Arquivo



RÁDIO AJA

Here is the Music Player. You need to installl flash player to show this cool thing!


© 2017 AJA. All Rights Reserved. Iniciar sessão - Designed by Gabfire Themes