Obra poética integral de José Afonso analisada pela primeira vez em tese de doutoramento

Recorte (Jornal de Leiria | 18.8.2011) retirado daqui.

 

Notícia LUSA

José Afonso “é uma das principais vozes poéticas do século XX” em Portugal, conclui uma investigação inédita sobre o poeta, músico e compositor que, pela primeira vez, analisou a sua obra integral, numa perspetiva literária.
Da autoria do investigador lusodescendente Alexandre Pereira Martins, a tese de doutoramento em Filologia Portuguesa foi defendida em julho na Universidade de Colónia, na Alemanha, abordando a totalidade da obra poética, musicada e a não musicada, do autor.
“O meu doutoramento procura abordar, por completo, a totalidade da poesia de José Afonso, incluindo os poemas que foram musicados, numa perspetiva filológica”, disse hoje o investigador à Agência Lusa.
Partindo da “convicção de que uma obra lírico-musical de três décadas e mais de 250 textos líricos (mais de metade não musicados), merece um enquadramento mais complexo, além dos rótulos óbvios “oposição ao Estado Novo”, “canção de intervenção”, “Revolução dos Cravos”, a investigação teve como objetivo demonstrar a estética poética que está por detrás da obra de José Afonso, assim como o percurso que o caracteriza como escritor lírico”, refere Alexandre Martins.
Segundo o docente e investigador do Instituto Luso-Brasileiro da Universidade de Colónia, caracterizar o autor de “Grândola Vila Morena” como “cantor de intervenção” “não é um rótulo errado, mas é redutor”.
Ao considerar Zeca Afonso como “uma das principais vozes poéticas” da poesia portuguesa do século passado, Alexandre Martins diz que a sua obra, “a par dos momentos mais interventivos de poesia comprometida, assim como de uma matriz popular”, apresenta “exemplos de poesia hermética, num contacto com correntes surrealizantes”.
A poética de José Afonso evidencia ainda “preocupações filosóficas e metafísicas”, conclui Alexandre Martins, que nasceu em 1974 em Colónia, onde reside.
Segundo o investigador, que tem analisado também a música popular moderna portuguesa, o seu estudo “Reconstrução da poética do cantor-autor e poeta português José Afonso (1929-1987)” é o primeiro a nível académico que analisa a obra integral de José Afonso – a discografia e a lírica não musicada – numa perspetiva filológica.
A tese vai ser publicada no início de 2012, na Alemanha, pela editora de divulgação científica Dr. Kovac, de Hamburgo, que compreende uma série dedicada aos estudos lusófonos. Está prevista também a sua tradução para edição em Portugal.
A primeira tese de doutoramento sobre as canções de José Afonso foi publicada em 1985, em Viena, pela austríaca Elfriede Engelmayer, que estudou a obra musicada entre 1968 e 1979 – recorda Alexandre Martins.
“Quando, a partir de 2005, defini o tema para o meu doutoramento, a minha convicção residia em investigar a obra lírica do José Afonso como chave para futuras investigações, visto que nela se encontram de forma produtiva e criativa as mais diversas correntes, sejam elas lírico-literárias ou de estilos musicais. Ou seja: continuando a investigação numa área, que ainda considero desprezada pelo meio académico, essa teria necessariamente de passar pela abordagem da criação poético-musical de José Afonso”, acrescenta.

some_text

Deixe um comentário

Zeca (2)

QUEM SOMOS


disco

SER SÓCIO


LOJA


escritasdomaio

ESCOLAS


materiais

EXPOSIÇÕES

SUBSCREVER NOTÍCIAS


Categorias

Arquivo



RÁDIO AJA

Here is the Music Player. You need to installl flash player to show this cool thing!


© 2019 AJA. All Rights Reserved. Iniciar sessão - Designed by Gabfire Themes