O Botequim de Natália Correia volta a ganhar vida

Reabriu ao fim de quinze anos o bar fundado pela escritora Natália Correia, uma referência nos meios intelectuais e políticos de Lisboa nos anos de 1970 e 80. Centro de tertúlias políticas, literárias e artísticas, foi palco de conspirações e acesos debates na presença de figuras como Ramalho Eanes, Sá Carneiro ou Helena Roseta. Os […]

Poema de Natália Correia para José Afonso

É de murta e de mar a tua vozCom algas de canção estrangulada.Aberta a concha da trova malsofridaSaíste como sai a madrugadaDa noite, virginal e humedecida. É de vinho e de pinho a tua vozCom pranto de insofríveis flores banidas.Mas é pela tua garganta que soltamosAs eriçadas aves proibidasQue no muro do medo desenhamos. Natália […]

Para Natália Correia

Azeitão,/12/86 Cara NatáliaNão consigo ver televisão, mas a sua presença.Vi por momentos um programa na TV em que vocêintervinha, sobre o tema “Amor e paixão”.Gostei de ouvir a sua afirmação de que é necessáriorecuperar a cultura dos incultos.Preciso da sua presença nem que seja por momentos. Um abraço amigo doJosé Afonso

Zeca: Encantava cantando – Natália Correia

Encontrámo-nos no mar alto. Ambos vindos de África. Eu, de An­gola onde, com o pretexto que me calhava ao gosto, de fluir feitiços africanos escapados à ganância evangelizadora dos missionários, ia em missão de tratos conspiratórios que a Pide farejava no cerco das andanças. O Zeca, de Mocambique, onde a sua voz de gorgolejos de […]

Zeca (2)

QUEM SOMOS


disco

SER SÓCIO


LOJA


escritasdomaio

ESCOLAS


materiais

EXPOSIÇÕES

SUBSCREVER NOTÍCIAS


Categorias

Arquivo



RÁDIO AJA

Here is the Music Player. You need to installl flash player to show this cool thing!


© 2019 AJA. All Rights Reserved. Iniciar sessão - Designed by Gabfire Themes